Chegamos com um novo artigo com dicas de controle financeiro. Como você já sabe, aqui no blog você encontra diversos textos com dicas essenciais para gerenciar o seu negócio e levar ele ao sucesso da maneira mais objetiva possível.

Como não poderia deixar de ser, sem os controles principais, sem gerir as áreas mais importantes do seu negócio, fica impossível que a empresa tenha saúde suficiente para crescer e alcançar a expansão sonhada por você e seus sócios.

Inclusive, é por isso que os artigos aqui do blog têm esse foco nas gestões que são vitais para o seu negócio. Todas as áreas são importantes, é claro, mas existem as áreas que são a base da sobrevivência do empreendimento. 

A área financeira é uma delas. Você consegue imaginar onde a sua empresa estaria se não houvesse recursos financeiros entrando através de suas vendas? Como você pagaria suas contas, o salário dos seus colaboradores e todos os outros compromissos?

Em função disso, o controle financeiro é uma dessas gestões vitais: sem controlar as finanças do seu negócio, não há negócio

Em função disso, neste artigo você vai entender:

Vamos lá?

O que é controle financeiro

O controle financeiro é ter uma gestão eficiente das finanças do negócio. Essa gestão garante que você saiba sempre qual é a situação dos recursos financeiros do seu negócio e possa se planejar para o futuro, cortar custos, saber onde há mais gastos e onde novos investimentos podem ser feitos.

Qual a importância do controle financeiro para sua empresa?

O controle financeiro é a gestão mais importante do seu negócio. Como já dissemos, sem recursos financeiros não há empresa. É através das entradas de dinheiro que a sua empresa tira a sua própria sobrevivência.

Além disso, o controle financeiro tem parte importante no seu planejamento para o futuro: sabendo da saúde das suas finanças você sabe o quanto pode poupar, o quanto pode investir, quando pode contratar novos colaboradores, sabe sobre a saúde das suas vendas, consegue fazer a previsão dos seus ganhos e gastos anuais e muito mais. Neste artigo aqui, a gente já trouxe alguns detalhes sobre a importância do controle financeiro.

Como fazer o controle financeiro da sua empresa?

Antes de começar a fazer o controle financeiro da sua empresa você deve definir o método que vai usar para isso. Existem opções mais arcaicas, como o caderninho, e opções intermediárias, como as planilhas Excel grátis. Você pode optar, também, por um sistema de gestão de empresas, que faz todo esse controle de maneira automática. Depois de escolher o melhor método para o seu negócio, basta começar a aplicar a gestão de acordo com as seguintes dicas:

Dicas de controle financeiro

Vamos então às dicas de controle financeiro? Aplicando as seguintes dicas com responsabilidade e eficiência, você consegue garantir que suas finanças estejam saudáveis para seus planejamentos futuros.

1. Tenha um planejamento financeiro

Em um bom controle financeiro, tudo envolve planejamento. Na verdade, tudo em uma empresa se refere a planejamento. Quando decidimos os objetivos que queremos que um negócio atinja, precisamos criar  um modelo de planejamento que tenha os passos que vão levar a sua empresa até lá. Quando se refere ao financeiro também. Fazer o planejamento financeiro do seu negócio deve ter a cada período é essencial para se ter uma noção realista das possibilidades que o negócio tem a cada momento. Planejar é a chave.

2. Faça o controle de fluxo de caixa

O fluxo de caixa é a gestão dos recursos que entram e saem do seu caixa diariamente, mensalmente e anualmente. Com essa gestão você vai conseguir ter uma noção em tempo real sobre a situação das finanças da sua empresa e também da saúde de suas vendas. Como você vai ver abaixo, essa noção impacta diretamente nas outras áreas.

3. Monitore as entradas e saídas

Neste caso aqui, nos referimos às contas a pagar e às contas a receber. É importante fazer esta gestão para que, em seu planejamento financeiro, fique claro o quanto de contas você ainda tem pra pagar e o quanto de dinheiro ainda tem a receber de seus clientes. O fluxo de caixa se integra com esta gestão, trazendo uma percepção e um controle aguçados das suas finanças.

Dicas de Controle financeiro

4. Tenha um bom plano de contas

Na mesma linha, o plano de contas vai trazer para você a noção das possibilidades que a sua empresa tem em termos de aquisição de novas contas. Tudo isso, com base nas contas que você já pagou e ainda tem a pagar. O plano de contas ainda abre a possibilidade de planejamento futuro de suas finanças, uma vez que de posse desses dados você vai conseguir antever os resultados e números de cada período.

5. Controle suas vendas

As suas finanças dependem de suas vendas, não é mesmo? Principalmente se a sua empresa é da área do varejo. Sabendo disso, você também sabe que, para ter o controle desses ganhos, você precisa ter um bom controle de vendas e o controle total sobre o seu giro de estoques, não é? Isso porque, o seu estoque é um investimento financeiro grande e as vendas que você faz são responsáveis pela saúde das finanças. Tudo está interligado em uma visão sistêmica.

6. Crie uma reserva de emergência

Todas as dicas que demos acima ajudam você a ter em mãos os números e dados necessários para entender e gerenciar as suas finanças de modo efetivo. Entretanto, de nada adianta fazer esta gestão se não estamos preparados para os momentos de crise que a economia pode passar inesperadamente. Além de um bom planejamento para essas crises, ter uma reserva de emergência pode ser a salvação da sua empresa em momentos como esses. Também é importante notar que, quanto melhor for o seu controle financeiro, mais fácil vai ser fazer essa reserva de emergência e, mais fácil vai ser ter um bom montante de dinheiro nessa reserva.

Enfim, as dicas acima podem ajudar grandemente na gestão das suas finanças. Entretanto, você deve agir sempre com responsabilidade e estar sempre atento à realidade da sua empresa, uma vez que uma empresa nunca é igual a outra.

Não deixe de comentar abaixo, as estratégias que você usa no seu negócio e que trazem efetividade e resultado por aí.