Como calcular preço de venda: Dicas + Planilha Grátis

Listen

A precificação do produto é um item importante tanto para o mix de marketing da empresa quanto para a sua sobrevivência. Mesmo exercendo papel tão estratégico, muitas empresas ainda não sabem ao certo como calcular preço de venda de seus produtos e acabam seguindo seus concorrentes, subestimando ou supervalorizando seus produtos, o que pode levar, muitas vezes, ao fracasso do negócio.

Neste post vamos esclarecer como calcular preço de venda de seus produtos de maneira simples e de fácil entendimento, sem dar margens para dúvidas se você está no caminho certo ou não. Pronto para adquirir mais esse conhecimento? Vamos lá!

Precificação de produto: entendendo os conceitos por trás dos cálculos

>> Conheça a nossa Planilha de Formação de Preço de Venda para Download Grátis

Antes de partir para a prática de como calcular preço de venda, você precisa entender os conceitos que estão ligados à formação desta metodologia. Esses conceitos ajudam na compreensão de como o preço é formado e por que você deve determiná-lo com precisão para que sua empresa seja mais competitiva.

Custos

Custo é tudo aquilo que você gasta para colocar o seu produto na prateleira. O custo do seu produto tem duas fontes: diretas e indiretas. O custo direto é tudo aquilo que você gasta com insumos para fabricar o seu produto ou na aquisição desse produto no fornecedor, incluindo os impostos. Os custos indiretos são os administrativos e de manutenção do negócio, que são rateados entre todos os seus produtos (luz, água, folha de pagamento, entre outros).

Margem de lucro

Uma vez que você tem o custo do seu produto definido, somando os custos diretos e indiretos, você tem que determinar a sua margem de lucro, que é a porcentagem que você deseja ganhar em cima desse produto para remunerar o seu investimento. É a margem de lucro que traz o dinheiro para a sua empresa, pois o restante do valor está comprometido para pagar os seus custos de produção.

Percepção de valor

Se você está se perguntando se isso é tão simples quanto parece, é sim. Mas tem um fator que vem para complicar um pouco a precificação do seu produto. Avalie o mercado de calçados por um momento. Por que existem tênis de 100 reais e tênis de 1.000 reais? Por que existe a percepção de valor do cliente.

A percepção de valor está ligada à marca da sua empresa, ao público que você deseja atingir, à necessidade que seus clientes têm do produto e ao seu marketing. Quanto mais eficaz for o marketing do seu produto, maior a percepção de valor do seu público sobre ele e, consequentemente, você pode refletir isso no momento de calcular preço de venda. E como saber a percepção de valor do cliente? Perguntando! Pergunte ao seu público quanto ele pagaria por determinado produto, sempre destacando os benefícios e vantagens do mesmo. Assim, você chega a uma média financeira que reflete a percepção de valor do seu cliente sobre os seus produtos.

Como calcular preço de venda do seu produto

Para determinar o preço mínimo que você pode cobrar pelo seu produto, basta somar os custos diretos e indiretos (divididos pelo volume de vendas) e aplicar a margem de lucro sobre este valor. Cada tipo de negócio tem sua própria margem de lucro, por isso é interessante que você conheça qual é a margem de lucro aceitável para o seu produto. Na indústria, a margem de lucro não costuma ultrapassar 5%, pois o volume de vendas é bastante grande, ou seja, você ganha na quantidade.

Se colocarmos num exemplo prático de como calcular preço de venda, imagine que você vende garrafas de água mineral de 500 ml. O custo de aquisição por unidade junto ao fornecedor é de R$ 0,80 (incluindo impostos) e as suas despesas administrativas somam R$ 0,50 quando divididas pelo seu volume de vendas. A margem de lucro que você deseja é de 5%. Dessa forma, você tem:

Preço de venda = 0,80 + 0,50 + 0,07 = 1,37. Está vendo como calcular preço de venda é fácil?

O preço mínimo que você pode vender essa garrafa de água mineral é de R$ 1,37. Mas digamos que você vende água mineral na praia de Ipanema, no Rio de Janeiro, por onde passam centenas de turistas todos os dias. Esses turistas estão sob um sol radiante, a uma temperatura de 40 ºC, portanto, estão dispostos a pagar mais do que R$ 1,37 por uma água bem gelada. O que fazer?

Sugestão 1: dê uma olhada na concorrência

A concorrência é um ótimo termômetro para você saber se está praticando o preço correto. Passe por algumas mercearias e barracas, pergunte aos vendedores ambulantes, veja quanto a água custa no mercado. Se a concorrência está praticando um preço médio de R$ 2,50, eis a sua chance de elevar a sua lucratividade, regulando o seu preço pelo mercado, afinal, água é água. Perceba que nessa conta você eleva a sua margem de lucro de 5% para 82,48%.

Sugestão 2: faça um teste

Arriscar faz parte da vida do empreendedor e se você não tentar nunca vai saber qual é a percepção de valor do seu cliente em relação ao seu produto. Se você não tem parâmetros para determinar qual seria o melhor preço de venda para o seu produto, faça um teste! Água na praia vende muito, então, tire duas horas para elevar o preço da sua água e ver se as vendas continuam como antes. Em vez de cobrar R$ 1,37, suba seu preço para R$ 2,00. Aqui você está tentando uma margem de lucro de 31,5%. Deu certo? No dia seguinte, tente chegar aos R$ 2,50.

Sugestão 3: não seja ganancioso

Por mais que a situação esteja favorável para a sua empresa, ser ganancioso e cobrar um preço muito elevado dos seus clientes pode levar a uma escassez de pessoas querendo comprar de você. Mantendo uma margem de lucro adequada, você pode atingir a um público maior e elevar o volume de vendas, ganhando em quantidade e também em visibilidade para o seu negócio.

Precificação de produto é difícil? Na verdade não, desde que você conheça bem quais são os custos envolvidos no seu processo de vendas você saberá como calcular o preço de venda. E por falar em custos, que tal conferir 5 dicas importantes sobre custos que vão ajudar o seu negócio a crescer? Aproveite, esse conhecimento está à sua disposição!

48 / 277

7 Comments

  1. Keila 6 de fevereiro de 2018 at 15:37

    Não estou recebendo a planilha.

    1. Stéfano Willig 22 de fevereiro de 2018 at 15:41

      Olá Keila, tudo bem?

      Envie um email para mkt@quantosobra.com.br que iremos resolver seu problema! 🙂

      Abraço!

  2. Gustavo Aprigio 23 de março de 2018 at 16:07

    Amigo muito bom seu material, vim atraves de um comentario que vc respondeu no Youtube. Baixei a planilha aqui sobre custos, Obrigado pela ajuda!!!

  3. Viviane 2 de julho de 2018 at 09:36

    Bom dia !
    Não consigo visualizar a planilha.

    1. Adrien Duarte 3 de julho de 2018 at 08:32

      Bom dia Viviane. Envie um e-mail para mkt@quantosobra.com.br que a gente te envia a planilha mais uma vez.

      Abração 😉

  4. José Geraldo 10 de outubro de 2018 at 08:56

    Bom dia. Solicito-lhes o envio da planilha para calcular o prêço final de vendas. Grato.

    1. Stéfano Willig 15 de novembro de 2018 at 08:25

      Temos esta planilha aqui https://www.quantosobra.com.br/materiais-educativos/

      Só entrar e fazer o Download gratuito!

      Abraço!

Deixe uma resposta

Gostou? Compartilhe com a sua rede!

Ajude seus amigos a também aprenderem mais de forma gratuita e vamos fazer do Brasil um lugar com melhores empresas!

Send this to a friend