Vender mais é um assunto que rodeia todas as empresas, sejam elas pequenas, grandes, de produtos ou serviços, por isso, saber como ser um bom vendedor é algo extremamente importante para os profissionais da área e para os próprios empreendedores. Por isso, neste artigo você vai ler:

 

Entretanto, independente do tamanho da empresa, a responsabilidade das vendas sempre recai sobre a equipe comercial, quando na verdade toda a empresa precisa ter pensamentos e atitudes voltadas a vendas, para aumentar as oportunidades de negócios e transformar cada prospecção em um cliente.

Vender mais não é só uma questão de metas, é uma questão de cultura empresarial e deve ser alimentada principalmente pelo empreendedor, pelo gestor, pelo dono ou diretor do negócio. 

O líder deve dominar a arte de como ser um bom vendedor e repassar isto para seus próprios vendedores. 

Quando ele se envolve e dá o exemplo, tudo flui com mais facilidade e as vendas começam a acontecer de maneira mais natural, sem aquela pressão costumeira que vemos naquele setor isolado chamado vendas.

Como ter pensamentos e atitudes vendedoras? O que é preciso para ser um bom vendedor e elevar os resultados da empresa? Confira essas dicas de vendas e descubra!

Como ser um bom vendedor? Passo a passo em 9 etapas

A seguir, organizamos alguns dos elementos que vão tornar você ou algum profissional da sua empresa, um bom vendedor. Confira cada etapa e comece a aplicar no seu negócio. 

1. Entenda que o vendedor é a linha de frente

Numa batalha, existe sempre a linha de frente, aquela que entra em contato com o adversário primeiro, mas existe também a retaguarda, que dá suporte à linha de frente para que esta ataque com mais eficácia.

Em vendas acontece a mesma coisa, o perfil de um bom vendedor é aquele que entende que faz parte da linha de frente. Entretanto, precisa de uma equipe que dê suporte a sua atuação para que a batalha por mais um cliente seja vencida.

Sendo assim, toda a empresa precisa oferecer apoio à equipe de vendas para que ela tenha tudo o que precisa, como:

  • informações adequadas, 
  • os valores corrigidos, 
  • as atualizações disponíveis,
  • argumentos de qualidade para efetuar uma boa venda.

Caso contrário, mesmo com tudo o que é preciso para ser um bom vendedor, o profissional será um guerreiro isolado no meio do campo de batalha.

2. Use o treinamento como a chave para transformar comportamentos

Se você precisa de uma equipe focada em vendas, é preciso desenvolver determinadas competências nela, como:

  • técnicas de vendas, 
  • foco no cliente, 
  • comunicação oral, entre outras.

Tudo isso faz parte do perfil de um bom vendedor, mas também pode ser estimulado em comportamentos que melhorem o relacionamento com o cliente, como empatia, negociação e gestão de conflitos.

Essas competências e comportamentos podem ser desenvolvidos através de treinamentos internos e externos. 

Cada procedimento deve capacitar a equipe para que ela se torne mais coesa e centrada nas necessidades dos clientes e na obtenção dos resultados esperados pela gestão. 

Faça eles saberem como ser um bom vendedor e dê para eles a possibilidade de buscarem ser o melhor vendedor possível.

3. Conheça o mercado e o público-alvo 

Toda negociação em vendas deve ser baseada em fatos e dados que o cliente possa comprovar, por isso, é essencial que toda a empresa tenha conhecimento do mercado e compreenda com profundidade quais são as maiores dificuldades dos clientes e como a empresa pode ajudar a solucioná-las.

Quando um funcionário diz a um cliente que não sabe quem pode resolver o seu problema, que desconhece o que ele está falando ou que ainda é novo, portanto não sabe como agir, a empresa está perdendo uma oportunidade de negócio. 

É por isso que ter funcionários bem preparados não é luxo, mas uma exigência que o mercado vai cobrar a todo momento.

4. Ofereça soluções personalizadas que encantam e fidelizam o cliente

Na saga para saber como ser um bom vendedor, podemos dizer que os clientes e consumidores estão cada vez mais exigentes, conhecedores de seus direitos, cientes do que a concorrência oferece. 

Quando procuram sua empresa, procuram um diferencial que facilite a decisão de compra

Esse diferencial pode ser a personalização de um produto ou serviço para que atenda da melhor forma possível a necessidade do cliente e o deixe mais satisfeito, gerando uma simpatia automática e contribuindo para um fechamento de venda mais rápido.

Por isso, em relação às técnicas de vendas, quanto mais soluções personalizadas sua empresa conseguir oferecer aos clientes, melhor a percepção de valor deles em relação à sua marca, ao seu atendimento e às soluções que você oferece.

5. Investir na comunicação segmentada e eficiente

Não é só o marketing que precisa segmentar suas campanhas. Entre as principais características de um bom vendedor está a competência em segmentar a sua comunicação e atender cada cliente de acordo com as suas necessidades. Isso faz muita diferença.

A assertividade também é uma das dicas de vendas que deixamos aqui, já que os clientes já chegam até sua empresa mais informados do que antigamente e não toleram vendedores que dão voltas em torno do assunto sem chegar ao que realmente interessa, que é o produto ou o serviço.

6. Usar a tecnologia a seu favor

Como ser um bom vendedor sem utilizar a tecnologia? Dicas de vendas não se sustentam se o vendedor não tiver o suporte adequado para registrar dados e informações, recuperá-los sempre que necessário e trabalhar de forma mais dinâmica, reduzindo o retrabalho e os esforços manuais.

Ter um bom sistema de CRM, aplicativos que facilitem o cálculo de orçamentos, parcelamentos, descontos e outros benefícios para o cliente torna o trabalho do vendedor mais fácil e dão maior credibilidade ao processo de negociação.

7. Inspirar-se em cases de sucesso

Dicas de vendas existem aos montes, mas para ter insights poderosos de como ser um bom vendedor é preciso olhar para os cases de sucesso de outras empresas, observar as melhores práticas e inspirar-se para fazer ainda melhor.

É claro que não existem fórmulas prontas e que cada empresa vive uma realidade diferente, mas ao ver como outras empresas lidaram com situações semelhantes às suas é possível desenvolver suas próprias estratégias e saídas.

8. Acompanhar tendências

O mercado está em constante mudança e quem deseja manter sua competitividade como um bom vendedor deve estar atento às novas tendências, tanto da indústria a qual faz parte quanto do perfil dos clientes e consumidores, que também é dinâmico e muda constantemente.

Por isso, entre o que é preciso para ser um bom vendedor está a capacidade de  prever tendências, conquistar a confiança do cliente mais rápido e conseguir melhores resultados de vendas.

9.Participar em eventos do setor

Bons vendedores estão sempre se atualizando e precisam estar próximos de outros profissionais para trocar ideias e experiências, o que é bastante fácil de se fazer em eventos, que reúnem uma quantidade enorme de profissionais em torno dos mesmos assuntos.

Tanto por conta própria, quanto patrocinado pela empresa, o vendedor deve buscar essas oportunidades para aprimorar suas técnicas e conhecimentos e assim melhorar sua performance constantemente.

Em resumo, se você está em busca de como ser um bom vendedor as principais dicas são: 

  1. Entenda que o vendedor é a linha de frente
  2. Use o treinamento como a chave para transformar comportamentos
  3. Conhecer o mercado e o público-alvo facilita as negociações
  4. Oferecer soluções personalizadas encanta e fideliza o cliente
  5. Investir na comunicação segmentada e eficiente
  6. Usar a tecnologia a seu favor
  7. Inspirar-se em cases de sucesso
  8. Acompanhar tendências
  9. Participar em eventos do setor

Gostou das nossas dicas e já sabe o que é preciso para ser um bom vendedor?  Que tal verificar se você não está cometendo nenhum erro durante as vendas? Nosso post 10 erros que você está cometendo nas vendas pode te ajudar a descobrir!

Lembre-se também de usar a tecnologia para tornar o setor de vendas mais produtivo e eficiente. Apresentamos o sistema QuantoSobra, no qual você faz tudo o que várias planilhas Excel fazem, de maneira automática e em um só lugar

Com um sistema de gestão de estoques, você deixa o seu controle de estoque nas mãos da tecnologia e da inteligência artificial, tendo mais segurança e menos riscos de erro humano. 

Um sistema como o QuantoSobra vai gerir todos os aspectos do seu estoque, como:

  • estoque mínimo e máximo,
  • estoque de segurança, 
  • informações para inventário, 
  • giro de estoque, 
  • controle de entradas e saídas de mercadorias, 
  • gestão de vendas e PDV integrado com seu estoque, 
  • indicadores completos sobre o status do seu estoque, e muito mais.

Além de tudo isso, o QuantoSobra ainda cuida de todas as outras áreas da sua empresa, fazendo:

  • o controle do fluxo de caixa, 
  • contas a pagar e receber, 
  • controle de inadimplência, 
  • impressão de etiquetas de preço e de carnês, 
  • fechamento de caixa sem erros e tudo que a sua possa precisar em termos de gestão.

O melhor de tudo? Você pode testar o QuantoSobra gratuitamente para comprovar que ele é a melhor solução.

testar quantosobra grátis