Neste artigo você vai ler:

 

O sucesso possui uma rota própria, embora muitas pessoas atribuam à sorte quando alguém chega no topo da montanha. Assim como há uma fórmula matemática para resolver cada questão, e há receitas para se fazer qualquer prato, também há rotas definidas para se alcançar o sucesso. 

Inclusive, a gente já falou sobre isso, neste artigo sobre os principais hábitos dos empresários de sucesso: existem ideias em comum entre as pessoas que fazem sucesso. Apesar disso, poucos são as pessoas que conseguem seguir a mesma rota e serem bem sucedidos nas suas áreas ou na criação de suas empresas.

Entretanto, uma boa parte da jornada para o sucesso, além de se saber muito bem onde se quer chegar, é ter à sua volta ou como modelo de inspiração, pessoas que já chegaram no topo da mesma montanha que você deseja escalar.

É justamente por isso, que estamos trazendo este artigo: para você perceber que muitos empresários de sucesso, aqueles que vale a pena acompanhar a caminhada, são brasileiros de sangue e de mente.

Vamos a eles:

10 empresários de sucesso para se inspirar

O Brasil é bastante diverso. Não somente em termos de cultura mas, também, em termos de criatividade. E essa criatividade é o que norteia os empresários brasileiros, que empreendem em áreas que, muitas vezes, nunca haviam sido exploradas.

Já os mais tradicionais, trazem um novo pensamento, bastante original, criando novos modos de gerir pessoas e finanças ou criando negócios tradicionais com uma visão diferenciada de estratégia. 

Nesses dois casos, os empresários brasileiros são referência, servindo de inspiração não somente para quem empreende no Brasil mas, também, para os donos de negócio mundo afora. Vamos conhecer alguns deles.

1. Jorge Paulo Lemann

Jorge Paulo Lemann é um dos empresários mais ricos do Brasil. Tanto que esteve no topo da lista da Forbes sobre o assunto. Mas, somente saber disso não diz muito sobre a capacidade de Lemann. Afinal, o acúmulo de riquezas não é um indicativo confiável quando estamos falando de capacidade.

Dono de uma trajetória de sucesso, muitas vezes atribuída ao seu sobrenome, Jorge Paulo Lemann é formado em economia pela universidade de Harvard. O sucesso na grande maioria das suas negociações e empreendimentos prova, sem deixar dúvidas, a capacidade estratégica do empresário. Um talento que não é transmitido por sangue e sim, vinda de uma inteligência aguda e percepção quase intuitiva sobre os passos a serem tomados.

10 empresários brasileiros de sucesso

Na lista das empresas de sucesso encabeçadas ou tendo a participação de Lemann, estão a gigante Inbev, o Burger King e a Kraft Heinz.

2. Luiza Helena Trajano

O Brasil inteiro já ouviu falar sobre o Magazine Luiza, ou melhor, Magalu. O que poucos sabem é que por trás do crescimento gigantesco da varejista, está uma mulher que esteve, antes, atrás dos balcões da empresa.

Luiza Helena Trajano iniciou sua carreira aos 12 anos, atendendo no balcão da empresa que um dia presidiria. O Magazine Luiza, ao contrário do que muitos pensam, não foi fundado por Luiza Helena.

Na verdade, ela galgou todos os degraus, representados pelos diversos setores da empresa, ao longo dos anos, até que, em 2008, chegou à presidência do grupo.

O nome sólido que o Magazine Luiza tem hoje em dia, é resultado da gestão de Trajano, que transformou uma empresa em um grande conglomerado, adquirindo várias outras empresas ao longo da gestão da empresária.

Como uma gerência pautada na proximidade empresa-cliente, o Magalu, junto com a sua presidente, alcançou lugares inimagináveis para um grupo brasileiro. Tudo graças ao olhar aguçado, poder de decisão e pioneirismo em levar para o online, a variedade e o atendimento qualificado que já eram encontrados nas lojas físicas.

10 empresários brasileiros de sucesso

3. Silvio Santos

Quem quer dinheiro? Quem não conhece essa frase imortalizada pelo homem do baú?

Silvio Santos, nome artístico de Senor Abravanel, é mais um exemplo de empresários que iniciou sua carreira com uma empresa pequena e conseguiu transformar ela em um conglomerado.

Sendo considerado o nome mais poderoso no entretenimento brasileiro, Silvio Santos, além de presidir a rede de televisão criada por ele, o Sistema Brasileiro de Televisão, ainda tem sob suas mangas, diversas outras empresas em diversos outros setores, incluindo bancos, perfumarias e hotelaria.

Com sua voz característica e marcante, iniciou sua carreira vendendo títulos de capitalização para, logo após, migrar para o rádio, onde seria locutor. Tudo isso aos 14 anos.

Em 1981, quando fundou o SBT, Silvio Santos já era um homem poderoso e, o resto da história, como não poderia deixar de ser, todo mundo conhece.

10 empresários brasileiros de sucesso

4. Antônio Luiz Seabra

Quanta competência é necessária para se transformar uma pequena perfumaria em um conglomerado? Muita! E essa competência Antônio Luiz Seabra tem. Foi com ela que Seabra levou a Natura ao topo dos nomes em termos de perfumes e produtos de beleza. Isso, no Brasil e no mundo, através da aquisição de outras empresas renomadas no ramo. 

Seabra é um nome que sempre vai valer a pena seguir observando.

Antônio Luiz Seabra

5. Abílio Diniz

Mais um nome com um grande sobrenome. Afinal, quem não conhece a família Diniz, sempre ligada à administração principal do grupo Pão de Açúcar?

Evidentemente, o nome de Abílio Diniz está ligado, atualmente, às suas gestões e participações atuais nas mais diversas empresas. Entre elas, está o Carrefour, que conta com Diniz como um dos acionistas. Além disso, o Conselho de Administração da BRF é, atualmente, presidido pelo empresário.

Conhecido pela sua persistência – afinal sua trajetória não foi constituída somente de sucessos – Abílio, hoje, é um nome ligado às principais empresas do mundo, sempre levando a sua ambição e sua competência para a administração desses negócios.

Abílio Diniz

6. Felipe Ramos Fioravante

Hoje em dia, ninguém mais come em casa sem a ajuda do iFood. Ou seja, ninguém mais come em casa sem uma ajudinha de um dos fundadores da marca, Felipe Ramos Fioravante. 

Foi ele que, juntamente com os outros fundadores do negócio, visualizou o grande mercado inexplorado que a organização das entregas de alimentos poderia representar. Unindo a facilidade da tele-entrega com o crescimento do e-commerce no país, o surgimento do iFood levou Fioravante a ser um dos principais nomes do empreendedorismo brasileiro.

Felipe Ramos Fioravante

7. Alexandre Costa

Pense na maior rede de chocolates finos do mundo! Pensou Cacau Show, não é mesmo? 

A marca veio à sua mente por um motivo muito óbvio: a competência de Alexandre Costa que, aos 17 anos, levou a sua paixão por chocolate a outros patamares.

A trajetória de Alexandre começa quando ele decidiu unir o seu faro em vendas com a sua facilidade em criar ovos de Páscoa, trufas e outros doces artesanais. Disso, nasceu a Cacau Show que, além de ter um nome de peso no Brasil e no mundo, ainda tornou Alexandre conhecido no país, através da televisão. 

Alexandre Costa

8. Antônio Ermírio de Moraes

Formado em Engenharia Metalúrgica pela Colorado School of Mines, Antônio Ermírio de Moraes, também teve de provar o seu valor e competência. Afinal, ele passaria a administrar uma empresa que havia sido de seu avô e foi transformada em grupo pelo seu pai: a Votorantim.

Desde 1973, quando assumiu a presidência do grupo, com a morte de seu pai, Antônio Ermírio de Moraes salvou o negócio da falência, sobreviveu aos empréstimos pesados da época da fundação da Companhia Brasileira de Alumínio, em 1956 e elevou o status do negócio à multinacional.

8. Antônio Ermírio de Moraes

9. Carlos Martins

Já ouviu falar da Wizard? Claro que sim! É a maior escola de idiomas do país.

Ela foi fundada por Carlos Martins que, inclusive adotou o nome da escola na sua assinatura, passando a assinar como Carlos Wizard Martins. 

Martins viveu em Nova York durante muito tempo e se formou em Análise de Sistemas e Tecnologia pela universidade norte-americana Brigham Young. Depois de voltar para o Brasil, usando a experiência que já havia tido de dar aulas de idiomas, fundou a sua primeira escola Wizard, em Campinas.

Foi o início de uma trajetória de sucesso que dura até hoje, levando o empresário a adquirir empresas de outros ramos, como a Rainha e a Topper.

Carlos Martins

10. Ana Fontes

Nascida em 2010, a Rede Mulher Empreendedora é uma ideia da Ana Fortes que viu nas dificuldades da sua própria trajetória profissional o quanto o ambiente corporativo ainda é fechado às mulheres.

Formada em Publicidade e Propaganda e, posteriormente, com pós-graduação em Marketing e em Relações Internacionais, Ana percebeu que, mesmo sendo extremamente qualificada, era quase impossível crescer nas empresas nas quais trabalhou.

Como onde há uma dificuldade há uma grande possibilidade, Ana criou a Rede Mulher Empreendedora, que visa divulgar empresas fundadas por mulheres, além de compartilhar conteúdos úteis com esse foco. O resultado? Mais de 270 mil empreendedoras de sucesso ajudadas pela plataforma.

Ana Fontes

Legal, não é? Existe mais algum nome que inspira você e que não conste nesta lista? Não deixe de comentar aqui embaixo sobre as suas inspirações e sobre os empresários que são referência para você e para a sua área.