Guia do lojista: 3 dicas para fazer uma boa gestão financeira!

Para administrar de forma eficiente as finanças de sua empresa, não basta comparar ativos e passivos ao final de cada mês. Lojistas de sucesso possuem sistemas organizados e integrados de controle de fluxo de caixa, de estoque e do volume de vendas. Esses aspectos são essenciais não apenas para manter sua empresa funcionando sem entrar no vermelho e fazer uma boa gestão financeira, mas também para traçar estratégias de crescimento e expansão de atividades.

Qual a melhor forma de colocar isso em prática? Abaixo, três dicas infalíveis para uma gestão financeira eficiente. Confira:

Controle seu fluxo de caixa

Em outros posts, já enfatizamos a necessidade de se manter um controle atualizado e sistemático do fluxo de caixa de sua empresa. O controle de fluxo de caixa consiste na manutenção de um sistema atualizado de registro das entradas e saídas de dinheiro do caixa de sua empresa. Ou seja, esse controle envolve não apenas os gastos com despesas cotidianas (como pagamento de contas, de empregados, de fornecedores, etc.), mas também a previsão de créditos a receber, de valores decorrentes das vendas e dos rendimentos de eventuais investimentos de sua loja.

A melhor forma de fazer um controle eficiente de fluxo de caixa é por meio de sistemas automatizados de gestão dessas movimentações. Esses sistemas registram imediatamente todas as operações realizadas com o caixa da empresa e permitem a emissão de relatórios, a elaboração de planilhas e a informação sobre o atual estado das contas da loja. A partir dessas informações, o lojista pode se planejar para o futuro, prever a necessidade da tomada de empréstimos e até mesmo assumir decisões acerca de novos investimentos.

Mantenha um sistema eficiente de reposição de estoque

Fazer uma boa gestão financeira de uma loja está diretamente relacionado ao controle de estoque de produtos do estabelecimento, sejam eles os produtos finais do negócio ou componentes da prestação de serviços ao consumidor final.

Nenhum estabelecimento comercial deve perder vendas (e, consequentemente, clientes) devido à falta de certos produtos no estoque, por isso é importante manter um sistema de controle e de reposição eficiente desses produtos.

A partir do registro de reposições anteriores de cada loja, é possível prever suas necessidades futuras, sua periodicidade e garantir que as restituições ocorram com antecedência, de forma a não interromper nenhuma venda, nem prestação de serviço.

Avalie constantemente o desempenho de suas vendas

Suas vendas caíram neste mês, mas você somente tomou consciência disso ao realizar o fechamento mensal das contas. Seria tarde demais? Talvez! Alguns problemas em relação à queda nas vendas podem ser rapidamente solucionados, se descobertos com antecedência.

O lojista deve ficar atento às mudanças de comportamento de seu público-alvo (que ocorrem com frequência cada vez maior), bem como a outros sinais de que suas práticas comerciais precisam de alguma forma serem alteradas.

Por essa razão, mantenha um controle atualizado do volume de vendas de sua loja e, caso perceba algum declínio, verifique imediatamente as razões para essa queda. Talvez seja um problema de atendimento ao consumidor, talvez seus produtos estejam com qualidade inferior ao esperado, etc. O importante é identificar rapidamente esses problemas e garantir que eles não afetem negativamente as finanças de sua loja.

Pronto para melhorar o desempenho financeiro de sua empresa? Ainda tem dúvidas ou sugestões? Deixe aqui seu comentário, continue de olho no blog e mantenha-se atualizado!

30 / 277

Deixe uma resposta

Gostou? Compartilhe com a sua rede!

Ajude seus amigos a também aprenderem mais de forma gratuita e vamos fazer do Brasil um lugar com melhores empresas!

Send this to a friend