Faça sua empresa crescer mesmo com pouco dinheiro. Confira estas dicas!

Crescer é sempre um desafio, para qualquer empresa. O mercado apresenta dificuldades, entraves burocráticos e resistência entre consumidores. Como se não fosse o bastante, as finanças de sua empresa também podem representar um desafio a ser superado. Muitos negócios encontram-se endividados, ou com orçamentos bastante restritos e, ainda assim, tentam crescer. Acredite, é possível crescer mesmo com pouco dinheiro! Saiba como:

1 – Faça um plano orçamentário minucioso

A elaboração de um planejamento financeiro adequado à realidade de sua empresa é o primeiro passo para fazer crescer seus negócios. O orçamento deve ser planejado de forma a reservar dinheiro para eventualidades, ainda que em menor quantidade. Além disso, as prioridades financeiras devem ser conciliadas aos custos fixos do negócio (contas de água, luz e folha de pagamentos).

Após o balanceamento das respectivas porcentagens de cada uma dessas destinações financeiras, é hora de focar no crescimento. O que poderia ser feito para expandir suas vendas (ou prestação de serviços)? Frequentemente, a resposta para essa pergunta é mais simples do que parece: compra de mais máquinas e equipamentos, contratação de mais vendedores e expansão de estabelecimentos. Tudo isso deve estar previsto no planejamento orçamentário da empresa.

2 – Reduza gastos com recursos humanos

Essa medida é essencial, principalmente em períodos de crise. Por mais que sua empresa queira equipes com funcionários de tradição e experiência, muitas vezes é financeiramente mais interessante que a empresa terceirize algumas atividades-meio, como aquelas de cunho administrativo. Isso também pode ser feito por meio da reorganização de atribuições, responsabilidades e funções. A partir do momento em que não há sobrecarga de alguns funcionários em detrimento de outros, a divisão de trabalho fica mais justa e equânime, o que contribui para o aumento da eficiência geral da empresa, mesmo que não ocorra aumento de pessoal.

3 – Enxuge os gastos da empresa

Nem sempre a melhor forma de aumentar os rendimentos da empresa ocorre por meio da expansão da produtividade. Frequentemente, é possível aumentar o lucro corporativo por meio de uma redução abrangente de gastos. Isso pode ser feito a partir de uma otimização dos gastos existentes, como a solicitação de descontos a fornecedores, a cobrança de clientes inadimplentes e a negociação de condições mais favoráveis de inserção no mercado.

Além disso, existem outras formas de economizar em sua empresa: mudança de hábitos na realização de atividades cotidianas, para torná-las mais eficientes: preparar; comprar maiores quantidades de insumos e outras matérias-primas, para que os preços sejam mais baratos; entre outras medidas. Essas mudanças podem até não parecer muito relevantes inicialmente, até mesmo mínimas diante do enorme orçamento de uma empresa, mas fazem toda a diferença. Você perceberá o quanto é possível que sua empresa economize dessa forma.

4 – Analise propostas de financiamento e tomada de empréstimos

Existem formas de financiamento e tomadas de empréstimo para todos diversos tipos de orçamento. Alguns têm juros mais altos, outros têm juros mais baixos, alguns exigem muitas garantias, outros têm extenso prazo de pagamento. É importante observar, no entanto, que todos os empréstimos e financiamentos apresentam algum tipo de taxa de juros, e que necessitam entrar no planejamento orçamentário de sua empresa para que, em vez de crescer, ela não se enterre em dívidas.

15 / 281

Deixe uma resposta

Gostou? Compartilhe com a sua rede!

Ajude seus amigos a também aprenderem mais de forma gratuita e vamos fazer do Brasil um lugar com melhores empresas!

Send this to a friend