Nesta semana convidamos nossos parceiros do Siga o Rastro para fazer uma postagem em nosso blog. O assunto escolhido pelo Diego Wagner foi a gestão financeira e porque ela é tão importante.

Em momentos em que nossa empresa exige longas jornadas de trabalho e os clientes fazem fila na porta para comprar seu produto ou requisitar suporte, é comum deixar as finanças da empresa um pouco de lado e negligenciar o livro de contabilidade. Isso acontece porque, como um bom brasileiro, depois é possível “dar um jeitinho” e arrumar toda a desorganização financeira.
Isso é muito comum, e se você possui uma pequena empresa provavelmente já passou por um período desses. O importante é evitar que isso se torne um hábito e você perca o controle financeira da companhia (isso sim pode levar a GRANDES problemas).
Para motivar você a acompanhar de perto essas movimentações financeiras, listamos 4 razões pelas quais vale a pena criar esse hábito:

  • Quanto tempo de vida temos?

Para uma empresa recém criada saber essa informação é importantíssimo. Pode demorar algum tempo até os primeiros clientes aparecerem e isso gerar um fluxo de caixa suficiente para sustentar sua operação. Por isso existe um pergunta que você deve responder sem pestanejar: quanto tempo o capital social injetado na empresa pode sustentar sua operação?
A única maneira de responder essa questão com confiança é verificando com frequência as variações no custo de operação da empresa.

  • Traçar e acompanhar metas

Você pode traçar metas financeiras para seu negócio, mas elas serão inúteis sem um processo de coleta e análise de dados financeiros já implementado e rodando. Quanto a organização da qual você faz parte for construir um planejamento estratégico e traçar as metas do ano, tenha em mente que metas factíveis são aquelas que podem ser coletadas e acompanhadas.
Se você quer entender um pouco mais sobre planejamento estratégico, leia esse ótimo post que explica em detalhes o que é planejamento estratégico.

  • Evitar problemas com a Receita Federal

Você nunca sabe quando a temida Receita Federal vai bater na sua porta para uma inspeção de rotina. Ter a contabilidade em dia e saber como andam seus números vai facilitar todo o processo de conferência e te livrar de uma possível saia justa.
Manter um registro contábil digitalizado através de um software de gestão como o Quanto Sobra também facilita e agiliza esse pente fino da receita.

  • Ter as rédeas de seu negócio nas mãos

Alguém já te fez algumas das perguntas abaixo?

  • Qual o retorno médio de um de seus clientes trás a empresa em um ano?
  • Como seus custos variam de um ano para outro?
  • Qual sua projeção de vendas para o próximo semestre?

Se você soube a resposta para elas, parabéns: você com certeza acompanha bem de perto a saúde financeira do seu negócio. Agora se você não sabe responder questões como essa e fácil sentir que não está com as rédeas do seu negócio em mãos (e não existe sensação mais frustrante que essa).
Se esse é o caso, tire algumas noites e finais de semana para se inteirar sobre esses assuntos. Se pintar alguma dúvida, procure uma empresa especializada na gestão financeira de pequenos negócios para te ajudar. Isso fará com que você sinta-se novamente a frente do seu negócio e pronto para conduzir ele rumo ao sucesso.